Carregando...

#NovembroAzul

#NovembroAzul

CUIDADO!

NEM TODO PRODUTO DIET OU LIGHT PODE SER CONSUMIDO POR DIABÉTICOS. PRESTE ATENÇÃO NOS RÓTULOS E VERIFIQUE SE, DE FATO, O PRODUTO NÃO CONTÉM AÇÚCAR OU GORDURA EM EXCESSO.

30 de mar de 2015

Massa de pizza semi-integral

#genteadocicada também gosta de pizza! Quem não gosta?

Sempre tive vontade de fazer a massa em casa, mas nunca achei que fosse conseguir, por imaginar ser complicado e demorado. 

Outro dia, com tempo sobrando, resolvi que tentaria fazer massa integral. Separei algumas receitas na net e me aventurei. 

Huumm! Me surpreendi com a facilidade, rapidez e, lógico, com o sabor.

Para quem não gosta de massa crocante e fina, basta deixar um pouco mais grossa na hora de abri-la. O recheio fica a gosto do freguês. Mais ou menos light, com mais ou menos fibras, como quiser. A preferida aqui em casa é de atum e de banana com canela.

As fotos não ficaram boas e esqueci de fotografar a massa antes de assar os discos de pizza, mas tá valendo. Segue a receita para dois discos tamanho médio (06 pedaços) se preferir mais grossa. A minha ficou bem fininha, então os discos também ficaram grandes. 

Ingredientes:
- 300g de farinha de trigo integral
- 300g de farinho de trigo branca
- 01 colher (sopa) de chia ou gergelim
- 01 colher (sopa) de linhaça 
- 01 colher (sopa) de aveia 
- 01 colher (chá) de alecrim seco ou fresco
- 03 colheres (sopa) de azeite
- 01 colher (café) de sal
- 02 colheres (chá) fermento biológico seco 
- água morna ou leite desnatado para dar o ponto (cerca de 100 a 150ml)

Preparo:
Misturar todos os ingredientes com as mãos, adicionando a água ou o leite aos poucos, até formar uma bola (pode ficar um pouco mais firme do que massa de pão), que não grude mais nas mãos. Esperar crescer por uns 15 ou 20 minutos (se estiver com pressa, não precisa deixar crescer). Abrir a massa, colocar em uma forma de pizza untada e assar em forno pré-aquecido, em temperatura média, até que a massa esteja seca, mas ainda não completamente assada (clara e macia). Tirar do forno, passar o molho de tomate (Fugini, Zero Açúcar) por todo o disco, colocar o recheio de sua preferência e assar até ficar crocante e dourada e o queijo derreter.                                                           
  
Massa pré-assada
Recheio de muçarela
Recheio de banana e canela
Dicas:
A linhaça, chia e aveia, podem ser substituídas por gergelim, amaranto, quinoa, ou qualquer outro grão ou cereal. 
O alecrim pode ser substituido por manjericão ou outra erva de sua preferência.
Lembrando que a massa tem quase as mesmas calorias da massa comum, mas tem mais fibras que a outra.

Recheio de banana: no lugar do molho de tomate, passei geleia diet na massa, coloquei banana nanica em rodelas, polvilhei um pouco de muçarela ralada e canela. Vocês podem adicionar leite condensado diet, achocolato diet, creme de avelã diet, etc, mas... cuidado com as calorias!

21 de dez de 2014

Suco de Lichia

Gosto muitode lichia e de suco também. Como os docinhos não podem se esbaldar nos sucos, aqui em casa é comum limonada, suco de maracujá, água de côco e mate gelado, mas, as vezes, é bom variar. 

Hoje resolvi experimentar suco de lichia com água de coco e achei muito bom. O único senão é que, para o meu paladar, achei muito doce, então pensei que seria melhor adicionar algo cítrico ou mais azedinho. Adicionei um pouquinho de limão e uma folhinha de hortelã. Huuumm!
Segue a receita para 250ml de suco:

06 lichias (somente a polpa)
200ml de água de coco
gelo

Bater no liquidificador e servir gelado. (eu não coei, para que sobrassem as fibras).

Dicas:
É possível adicionar ao suco: limão, maçã verde, gengibre ou hortelã (ou outro ingrediente de sua preferência) para que o sabor fique menos adocicado (doce, já basta meu sangue!).

Outra dica é fazer chá com as cascas da lichia. Na China é muito usado para dor de garganta, como a romã, aqui no Brasil.

Lichiapossui a substância cianidina, que ajuda a queimar as gorduras do corpo, além de ser rica em fibras e água, o que também auxilia na perda de peso. Cada 100 gramas de lichias têm 66 calorias. Esta fruta tem baixa carga glicêmica, o que leva o organismo a liberar menos insulina.

20 de dez de 2014

FELIZ NATAL!


19 de dez de 2014

Então é Natal, tempo de panetone, de novo! Você pode, sim.

Aqui no blog já fiz duas postagens sobre panetones e chocotones sem adição de açúcar e, embora não tenha mudado muito, ao longo dos anos, descobri muitas marcas que pensam nos docinhos e nas pessoas que fazem dieta.

Esse ano eu comprei o panetone da Village, que continua muito gostoso, e experimentei o integral sem açúcar da Casa Suíça, com quinoa, castanha e passas. Claro, também já garanti o panetone da Cacau Show Trufado Zero Açúcar, meu preferido, e o mais perigoso para quem é guloso, portanto, nada de porções generosas.

Esse ano não vi os panetones da Lowçucar e nem encontrei qualquer informação no site. 

Vou postar aqui os que encontrei pelos mercados e pela net, mas sei que as redes OBA e Carrefour produzem panetones sem açúcar; a Ofner e a Suavipan, ambas em São Paulo, também. 

Panetone e chocotone Linea Zero Açúcar - preços encontrados entre R$ 20,00 a R$ 28,00.

                        
Panetone e chocotone Roma Zero Açúcar (Siena Alimentos) - entre R$ 12,00 e R$ 16,00
  

Panetone Ligth Damasco e Passas - Dolce Alguri - R$ entre 19,00 a R$ 23,00

Doente para experimentar esse. Adoro damasco.

 Panetone Trufado Zero Açúcar - Cacau Show - R$ 38,90 em todas as lojas franqueadas 
Esse juntou a fome com a vontade de comer: frutas cristalizadas, passas e trufa zero açúcar. Pensem numa coisa boa, kkkk. Mas... como disse, devagar com o andor. Faça render até a Páscoa.
 Panetones e chocotone Zero - Casa Suíça - entre R$ 18,00 a R$ 24,00


  
Comprei esse integral zero açúcar, com passas, quinoa e castanha do pará - achei um pouco seco.

Panetone Village Light Frutas - entre R$ 12,00 a R$ 16,00

Tem o selo de aprovação da ANAD e um ótimo custo x benefício. Eu gosto e sempre compro.

Iogurte grego Atilatte

Huuummm! Gente adocicada de plantão, vocês não imaginam o quanto é bom esse iogurte Atilatte. Produzido com leite tipo A, tem excelente qualidade e a embalagem dos produtos é uma graça. A marca é proveniente do Laticínios Atilatte, da cidade de Itatiba, no interior de São Paulo. Na minha cidade só encontro em dois mercados, mas o site da Atilatte tem indicações de onde pode ser comprado. 

Todos os produtos que experimentei são excelentes e não ficam devendo nada para as marcas mais conhecidas, cujo sabor deixa a desejar a algum tempo. 

"A linha de iogurtes Atilatte conta hoje com vários sabores, entre integrais e lights, sendo dois deles probióticos e também a coalhada light. Todos são produzidos exclusivamente com leite tipo A, uma característica que pouquíssimos iogurtes e coalhadas têm. Isso garante um produto mais saudável e com muito mais sabor. Aliás, todos os ingredientes são rigorosamente selecionados, desde a escolha do melhor fermento até o uso das melhores polpas de fruta. A intenção da Atilatte sempre foi fazer produtos premium, não simples produtos".

Sempre compro potinhos de coalhada desnatada e iogurte desnatado, além da coalhada parcialmente desnatada, em frascos de 900g. Ainda não consegui encontrar o pote de 900g no sabor de ameixa com cereais sem adição de açúcar e estou aguardando o lançamento no sabor baunilha com cereais.

O iogurte ou a coalhada, mesmo desnatados, são super cremosos e muito saborosos. Vale a pena experimentar. Mas a surpresa foi o lançamento, no final de novembro, dos iogurtes gregos sem adição de açúcar. Delícia! Comprei nos sabores Blueberry e Damasco. Ambos muito bons. A geléia no fundo é mesmo de frutas, não aquela calda com gosto artificial que a maioria dos gregos traz.























0% gordura, 0% açúcar e a receita original GREGA. O único iogurte grego do mercado feito com leite tipo A. Felicidade, seja muito bem vinda! • 4 sabores: tradicional • morango • damasco • blueberry
Quer conhecer a Atilatte? Clique aqui. Onde encontrar? Aqui. E, quais as diferenças dos tipos de leite? Aqui.


Juntos pelo Diabetes

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...